ENGENHARIA FILOSÓFICA

Twitter: @jonatasdlima

Resenha | “Tactics”, de Gregory Koukl

tacticsDiariamente, somos impelidos a defender nossas opiniões e crenças, em todas as esferas, bem como, por vezes inconscientemente, a julgar opiniões e crenças de outros. O diálogo, na maioria das vezes, reside na validade das opiniões ou crenças, se são razoáveis do ponto de vista lógico e se estão de acordo com a realidade. Neste cenário, independente de qual seja o assunto, a tendência natural que temos é a de focarmos em argumentações sobre o tema em questão, através das referências que conseguirmos lembrar na “janela de 10 segundos” que temos antes da próxima indagação “oponente”. Isso ocorre em todos os ambientes, sobre todos os assuntos. Entretanto, é em conversas sobre questões essenciais, sobretudo as de cunho moral, que somos tentados a defender, com unhas e dentes, nossos pontos de vista (por exemplo, uma conversa entre um cristão e um ateu sobre a existência de Deus). E, certamente, os cristãos, em especial, são (ou deveriam estar) comprometidos em dar suas razões e motivações para sua cosmovisão (1 Pedro 3:15, Colossenses 4:3).

De fato, há vasto material sobre assuntos diversos que suportam a cosmovisão cristã, desde a existência de Deus até a historicidade de Cristo. Contudo, muito em conta das características pessoais de cada um, percebe-se que o conhecimento por si só não é garantia de sucesso na empreitada cristã (ou em qualquer outra). Tactics, de Gregory Koukl, aparece como a obra que faltava na apologética cristã, ao desbravar um território essencial para o sucesso da empreitada cristã: a eficiência. Como o subtítulo atesta, o livro é um “plano de jogo para discutir suas convicções cristãs”. Ao invés de ser mais um livro que apresenta evidências e mais evidências de qualquer assunto relativo à apologética cristã (ainda que o faça como fonte de exemplos reais do próprio Koukl, e alguns muito cômicos!), Tactics é um manual prático a ser utilizado no dia-a-dia de todo professo cristão. Além da linguagem simples, o autor tem a sensibilidade suficiente para captar a essência de cada episódio que presenciou, de forma a tirar lições e metodologias eficientes que qualquer um pode lançar mão, seja numa reunião em família ou em sala de aula.

“Neste livro, gostaria de ensiná-lo como ser diplomático. Quero sugerir um método que chamo de Modelo Embaixador. Essa abordagem reside mais em uma curiosidade amigável – um tipo de diplomacia descontraída – do que em um confronto.” (p. 20)

Segundo Koukl, ser um embaixador de Cristo neste milênio requer três habilidades básicas: conhecimento, sabedoria e caráter. Ainda que a primeira e a terceira sejam garantidas, sem a dose necessária de sabedoria o serviço em prol do evangelho poderá ser ineficiente e até traumático. A segunda habilidade, portanto, é o foco de Tactics.

“Ao invés de trazer a cruz em todo embate, queira tão somente colocar uma pedra no sapato de alguém. Tente dar à pessoa algo no que pensar. Fique contente em plantar uma semente que poderá posteriormente brotar sob o cuidado do soberano Deus.” (p. 41)

O livro é dividido em duas partes: na primeira, além dos capítulos introdutórios (importantíssimos), é apresentada a tática-base para o plano de jogo (Columbo). Na segunda, são acrescentadas táticas que permitem encontrar as falhas do ponto de vista alheio (‘Suicídio’, ‘Rolo Compressor’, ‘Apenas os fatos, mãe’, etc.), de forma a mantê-lo no controle da situação e longe do “peso da prova”. Simplesmente, genial. Através de procedimentos lúdicos e exemplos reais, Koukl demonstra como a tarefa de defender suas convicções de maneira elegante, descontraída e respeitosa pode ser muito mais fácil do que se imagina, mesmo nas horas mais difíceis.

Todavia, o autor faz algumas reservas. Sabendo da perspicácia e efetividade das táticas apresentadas, é importante lembrar o motivo da empreitada:

“Táticas não são truques, ardis escorregadios, ou estratagemas espertos que diminuem ou humilham a outra pessoa. Na verdade, táticas são utilizadas para ganhar uma posição, manobrar, e para expor o pensamento equivocado da outra pessoa a fim de que você possa guiá-la para a verdade.” (p. 29)

Durante a leitura, é impossível não recordar algumas de nossas próprias experiências em que tivemos dificuldade de defender com habilidade algum ponto de vista, seja em assuntos de natureza religiosa ou não. Como já citei, um dos aspectos interessantes da obra de Koukl é que esta apresenta uma metodologia prática para a construção de conversas produtivas em todos os assuntos cotidianos. Antes mesmo de discussões sobre temas atuais como o aborto ou homossexualidade, que de fato são divisores entre cristãos e não-cristãos, vejo as táticas apresentadas como valiosas no próprio mercado de trabalho, por exemplo. Contudo, sua finalidade principal prevê diálogos sobre assuntos muito mais “pesados” e em ambientes geralmente mais hostis que uma “mera” corporação secular. É inevitável que o leitor se sinta incitado a praticar os insights de Koukl o mais rápido possível. Apesar da evidente praticidade das táticas,  treino e oração são requeridos para o sucesso ao usá-las no “mundo real”.

Este tem se tornado um de meus livros favoritos, daqueles pra te acompanhar aonde for. Porém, infelizmente, Tactics ainda não foi publicado em português (as citações acima foram traduzidas livremente por este blogger). Todavia, ainda que você não tenha habilidade com a língua inglesa, sugiro que a desenvolva com este livro. Além de ter sido escrito em um inglês simples, a necessidade latente da leitura desta obra, sobretudo por nós cristãos, deveria instigá-lo para tal. Aliás, este é o motivo de eu não revelar um spolier sequer nesta resenha sobre qualquer uma das táticas, por mais que meus dedos cocem.

Jônatas Duarte Lima

Ficha Técnica
Tactics: A Game Plan for Discussing Your Christian Convictions
Autor: Gregory Koukl
Ano: 2009
Quero adquirir

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 31 de janeiro de 2016 por em Livros, Resenhas e marcado , .
Momento Bíblia Anotada

Este blog apresenta dicas de anotações interessantes na Bíblia.

SÉTIMO DIA

Um Blog Adventista com Assuntos Contemporâneos

LER PRA CRER

"Um livro pode ser nosso sem nos pertencer. Só um livro lido nos pertence realmente." Eno T. Wanke

%d blogueiros gostam disto: