ENGENHARIA FILOSÓFICA

Twitter: @jonatasdlima

A falta de leitura da Bíblia e o erro fatal dos Presbiterianos norte-americanos

New York Times acaba de publicar (17/03/15, 9:30PM) a notícia “Largest Presbyterian Denomination Gives Final Approval for Same-Sex Marriage”, ou seja, em tradução livre, “A Maior de todas as igrejas Presbiterianas Aprova Definitivamente o Casamento Homossexual”.

O choque só seria maior se a manchete fosse publicada uns 10 anos atrás. Entretanto, ao ler o texto com atenção, percebe-se que em nenhum momento foi usado qualquer texto bíblico para apoiar tal decisão. Motivo: por que não existe!

Obviamente que há passagens claras na Bíblia, sobretudo nos maravilhosos relatos dos evangelhos acerca da vida e ministério de Cristo, quanto a pregação e defesa dos cansados e oprimidos (Mateus 11:28-30). Porém, sempre que Jesus atendia àqueles que eram desprezados, hostilizados e injustiçados pela sociedade daquele tempo, seu milagre para transformação sempre começava com o perdão, para depois ser seguido de “vá e não peques mais” (João 8:1-11).

A confusão da comunidade cristã internacional está vergonhosa. Além das tristes declarações da igreja católica acerca das origens, agora vem mais essa dessa outra igreja tradicional e que leva consigo mais de 1,8 milhão de fiéis só nos EUA.

Que a igreja cristã deve e precisa urgentemente pregar com eficiência aos homossexuais é uma coisa, uma realidade; porém, uma apostasia desta dimensão, a nível institucional, sem qualquer embasamento bíblico – que, para os cristãos verdadeiros, é a vontade de Deus expressa – traz tristeza e muita preocupação.

Grande desconforto pode até ser sentido ao imaginar às condições que serão submetidos os pastores e anciãos daquela denominação (até por que os pastores poderão decidir se realizarão ou não cerimônias homossexuais). O resultado já é evidente e irá apenas aumentar: a divisão daquela igreja.

As instruções bíblicas acerca do tema são claras e várias (ver Gênesis 19:5-7Levítico 18:22Deuteronômio 22:5Romanos 1:24-281 Coríntios 6:9-101 Timóteo 1:10). Porém, ao mesmo tempo, o chamado ao arrependimento, confissão, perdão e nova vida são por várias vezes anunciadas por todos os seus autores.

O dever da igreja é mostrar a Cristo e sua verdade imutável, e a certeza da esperança em um mundo sem esperança. Para tanto, alcançar os homossexuais têm sido uma missão difícil, sobretudo por conta de não se entender o amor e perdão apresentados por Cristo, a todos. Para “remediar” esta situação e/ou simplesmente atender a convicções pessoais de seus líderes e/ou à pressão de uma sociedade amoral, os líderes de uma tradicional denominação acabam por repudiar sua única arma e consolo ao mundo em que vivem: a Bíblia.

Para ler posts mais completos sobre o tema, clique aqui e aqui.

Jônatas Duarte Lima

Anúncios

2 comentários em “A falta de leitura da Bíblia e o erro fatal dos Presbiterianos norte-americanos

  1. Pingback: O erro fatal dos presbiterianos norte-americanos

  2. Pingback: Plante em 1859, colha em 2015 | ENGENHARIA FILOSÓFICA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 18 de março de 2015 por em Cristianismo, Moralidade, Vida Cristã e marcado .
Momento Bíblia Anotada

Este blog apresenta dicas de anotações interessantes na Bíblia.

SÉTIMO DIA

Um Blog Adventista com Assuntos Contemporâneos

LER PRA CRER

"Um livro pode ser nosso sem nos pertencer. Só um livro lido nos pertence realmente." Eno T. Wanke

%d blogueiros gostam disto: